sexta-feira, 29 de outubro de 2010

TERAPIA FLORAL EM AÇÃO

A TERAPIA FLORAL foi iniciada pelo Dr. Edward Bach na década de 30. Dr. Bach buscava um meio de tratar as doenças de maneira suave, que não trouxesse mais transtornos para seus pacientes. Em suas pesquisas observou que emoções como o medo, a preocupaçao excessiva com o bem-estar dos outros, a falta de interesse pelas circunstâncias, a supersensibilidade a influências e opiniões, a solidão, o desalento, o desconforto e o desespero, a incerteza ou indecisão são capazes de trazer muitos transtornos. Essas emoções mal resolvidas que começam nos corpos sutis, fatalmente vão ingressando em camadas mais densas até atingir o corpo físico, então, derrepente aparece, por exemplo, uma laringite. A laringite expressa a luta entre o temor que impede a expressão de sentimentos de ira e o desejo de fazê-lo. Crença de não poder falar sobre si mesmo e pedir aquilo de que precisa.
Vincula-se também sentimentos de vergonha, culpa, medo, aversão a si mesmo e, em alguns casos, a bloqueios na criatividade.
O tratamento médico convencional certamente resolverá o problema da laringite mas não resolverá o problema das emoções que geraram a doença e se essas emoções não são tratadas o problema mais cedo ou mais tarde retornará, da mesma forma ou em algum outro tipo de doença. E é aí que a TERAPIA FLORAL, como medicina complementar, deverá entrar. O uso do floral adequado opera de modo sutil sobre as radiações emitidas pelo corpo humano, ou de um animal, aumentando assim o índice de vitalidade e restabelecendo a saúde. 
Hoje em dia existem vários SISTEMAS FLORAIS(Bach, Californiano, Australiano, Saint Germain etc). Seu uso é muito fácil e o custo muito em conta.
Procure sempre um Terapeuta Floral para saber bem ao certo qual floral é o mais indicado para o seu caso e sinta-se cada vez melhor!


Janice  Angelotti
Terapeuta Floral

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

CROMOTERAPIA


Técnica conhecida desde a antiquidade que, quando usada devidamente, ajuda a regenerar o corpo.
Cor é luz e luz é radiação, vibração, portanto a cromoterapia está encaixada dentro da medicina vibracional.
Sabe-se que diferentes tipos de órgãos, tecidos, ossos e fluidos do corpo, requerem um tom de cor diferente para acentuar-lhe o funcionamento saudável, pois a cor possui efeitos benéficos sobre as funções corporais tanto na parte física quanto na parte psíquica. Isso também é válido para os animais.
A cor azul é calmante e relaxante, estimula o equilíbrio, a paz de espírito.
A cor laranja, dissolve gorduras, estimula o apetite e proporciona otimismo.
A cor verde não inflama e nem agrava mas tranquiliza e refresca.
Portanto, a cromoterapia é outra técnica que visa o bem-estar físico e psicológico.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Terapia Floral para Animais de Estimação

As essências florais trabalham no nível dos corpos não-visíveis. Elas operam no nível da cura vibratória, agindo com uma média de velocidade e vibração mais rápidas, mas de maneira semelhante aos remédios homeopáticos. As essências trabalham de uma forma sutil, primeiramente sobre os corpos emocional, mental e espiritual. Uma vez que a energia se movimenta através de todos os corpos para criar saúde animal ou humana e, desde que o estresse e os sentimentos emocionais são os fatores principais na produção tanto da doença quanto do bem-estar, as essências florais desempenham um papel na cura em todos os níveis.
Um animal com uma doença física também apresentará sintomas mentais-emocionais. Se a doença criou a condição emocional ou o estado emocional criou a doença não importa. O que deve-se fazer é curar ambos. Podemos usar tranquilamente as essências florais para tratar o nível mental-emocional ao mesmo tempo em que se usa os métodos de cura física para tratar a doença, cuida-se de todos os corpos e resulta em uma cura mais completa. Quando a doença é curada no aspecto físico, mas não no aspecto emocional-mental, ela poderá reaparecer ou transformar-se em outra doença. As essências florais alcançam os corpos vibratórios não-visíveis, coisa que os métodos de cura do nível físico não podem fazer.
Quando um animal com boa saúde física fica estressado, raivoso, depressivo, ciumento ou traumatizado, as emoções podem movimentar-se através dos corpos para se transformarem em uma doença física. O gato depremido, por exemplo, é um forte candidato a ter problemas no fígado, que se não tratados a tempo fica de difícil recuperação. Um cachorro que fica extremamente estressado quando ouve bombas acabará tendo uma baixa imunidade pelo estresse e ficará doente. Curando o trauma inicial o animal terá seu equilíbrio emocional-mental harmonizado e portanto uma vida saudável.
Esse é um tratamento suave que não tem efeitos colaterais ou contra-indicações.

domingo, 24 de outubro de 2010

Um homem pode ficar doente e abatido, ou saudável e forte, de acordo com o estado dos centros e de suas precipitações, as glândulas. Deve-se lembrar sempre que os centros são os principais fatores que influenciam o plano físico e por meio dos quais a alma opera e expressa sua vida e qualidade de acordo com o ponto atingido no processo evolutivo; deve-se lembrar também que o sistema glandular é apenas um efeito - inevitável, por certo - dos centros por meio dos quais a alma opera. Por isso, as glândulas expressam plenamente o grau evolutivo do homem, e, de acordo com esse grau, são responsáveis por defeitos e limitações e perfeições realizadas. A conduta e o comportamento do homem sobre o plano físico são condicionados e controlados e determinados pela natureza de suas glândulas, e estas são condicionadas, controladas e determinadas pela natureza, a qualidade e a vitalidade dos centros; estes, por sua vez, são condicionados, controlados e determinados pela alma, de modo que cada vez mais eficaz à medida que a evolução procede. Antes de serem controlados pela alma, são condiciona-dos, qualificados e controlados primeiro pelo corpo astral e depois pela mente. O objetivo do ciclo evolutivo é o de efetivar esse controle, esse condicionamento e esse processo de determinações por parte da alma; os seres humanos de hoje encontram-se em todos os estados possíveis e imagináveis de desenvolvimento dentro desse processo.

                                                                                                    - Alice A. Bailey



sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Emoções Desequilibradas

Você sabia que 90% dos problemas físicos são gerados no nosso corpo astral através de emoções negativas como raiva, medo, ciúme, depressão etc...
Uma pessoa que recorre ao vício, por exemplo, expressa a fuga de si mesmo, medo e desejo de não enfrentar a realidade e os sentimentos dolorosos causados por traumas. A Terapia Floral pode contribuir e muito para redirecionar essa pessoa a um estado de vida harmonioso.
A Terapia Floral é um método de tratamento que não causa dependência física e não tem efeitos colaterais. É vista como medicina complementar e não possui contra indicações.
Vivemos em um mundo conturbado, onde somos bombardeados por informações de todos os lados. É preciso equilibrar e organizar nossas emoções para termos uma vida feliz.