sexta-feira, 29 de outubro de 2010

TERAPIA FLORAL EM AÇÃO

A TERAPIA FLORAL foi iniciada pelo Dr. Edward Bach na década de 30. Dr. Bach buscava um meio de tratar as doenças de maneira suave, que não trouxesse mais transtornos para seus pacientes. Em suas pesquisas observou que emoções como o medo, a preocupaçao excessiva com o bem-estar dos outros, a falta de interesse pelas circunstâncias, a supersensibilidade a influências e opiniões, a solidão, o desalento, o desconforto e o desespero, a incerteza ou indecisão são capazes de trazer muitos transtornos. Essas emoções mal resolvidas que começam nos corpos sutis, fatalmente vão ingressando em camadas mais densas até atingir o corpo físico, então, derrepente aparece, por exemplo, uma laringite. A laringite expressa a luta entre o temor que impede a expressão de sentimentos de ira e o desejo de fazê-lo. Crença de não poder falar sobre si mesmo e pedir aquilo de que precisa.
Vincula-se também sentimentos de vergonha, culpa, medo, aversão a si mesmo e, em alguns casos, a bloqueios na criatividade.
O tratamento médico convencional certamente resolverá o problema da laringite mas não resolverá o problema das emoções que geraram a doença e se essas emoções não são tratadas o problema mais cedo ou mais tarde retornará, da mesma forma ou em algum outro tipo de doença. E é aí que a TERAPIA FLORAL, como medicina complementar, deverá entrar. O uso do floral adequado opera de modo sutil sobre as radiações emitidas pelo corpo humano, ou de um animal, aumentando assim o índice de vitalidade e restabelecendo a saúde. 
Hoje em dia existem vários SISTEMAS FLORAIS(Bach, Californiano, Australiano, Saint Germain etc). Seu uso é muito fácil e o custo muito em conta.
Procure sempre um Terapeuta Floral para saber bem ao certo qual floral é o mais indicado para o seu caso e sinta-se cada vez melhor!


Janice  Angelotti
Terapeuta Floral

2 comentários:

De sua opinião, ela é muito valiosa. Obrigada!